Sua colaboração ajuda a espalhar boas sementes na floresta #Relatório2018

Ícone de relógio fev 11, 2019

O projeto “Quelônios do Juruá: Eu Protejo” é uma iniciativa da SOS Amazônia que desde 2003 atua com o objetivo de garantir a conservação das espécies de tartarugas, tracajás e iaçás na região.

Famílias ribeirinhas protegem, voluntariamente, desovas de quelônios em praias do rio Juruá, situadas na região do Parque Nacional da Serra do Divisor (PNSD) e da Reserva Extrativista Alto Juruá (REAJ), duas das maiores Unidades de Conservação (UC) do estado do Acre e de grande importância, por serem áreas de alta concentração de diversidade biológica e, ambas, situadas na fronteira com o Peru.

Técnicos da SOS Amazônia fizeram, entre os meses de abril e dezembro de 2018, visitas e acompanhamento as áreas de proteção nas comunidades ribeirinhas. A ação consistiu em identificar e supervisionar regiões de desovas de quelônios mediante a inserção de faixas de sinalização nas praias, além de conscientizar os comunitários sobre a importância desses animais para a manutenção do ambiente na região.

SUA COLABORAÇÃO AJUDOU ESPALHAR BOAS SEMENTES NA FLORESTA

Em 2018 foram 1.580 ninhos monitorados por 35 famílias voluntárias. Foram realizadas 105 visitas técnicas sobre manejo e conservação dos quelônios e sinalizadas 38 praias na Resex e no PNSD. A SOS Amazônia registrou a postura de 6.752 ovos de quelônios, sendo que 68% dos filhotes permaneceram vivos, ou seja, não foram predados ou os ovos não estavam gorados. Ao total, 3.687 filhotes de quelônios foram soltos na bacia do rio Juruá, a partir do mês de novembro.

A SOS Amazônia recebeu em doações, no período de dezembro 2017 a novembro de 2018, R$ 5.965,04, por meio da plataforma do site da instituição. O recurso foi investido nas atividades de monitoramento, que tiveram um total de R$ 25.275,78 de despesas em 2018.

Além de contar com parceiros institucionais: ICMBIO/AC, IMAC, Corpo de Bombeiros de Cruzeiro do Sul, Prefeituras de Cruzeiro do Sul, Porto Walter e Rodrigues Alves. Aqui você tem acesso a um relatório dos investimentos, doações recebidas e resultados de manejo e conservação dos quelônios 2018. (Acesse)

AMEAÇA DE EXTINÇÃO

Importante alertar que a tartaruga da Amazônia é a espécie mais ameaçada dentre os quelônios. Por isso, a importância de fortalecer as iniciativas de manejo e conservação desses animais.

O projeto, mesmo com a falta de apoio financeiro permanente, continua firme em proteger esses animais, com o intuito de diminuir a pressão humana sobre a fauna da região. E você pode ajudar a salvar os quelônios do Juruá. Ajude-nos a espalhar boas sementes na floresta, adote uma tartaruga! Doe Agora.

Aqui você tem acesso a um relatório dos investimentos, doações recebidas e resultados de manejo e conservação dos quelônios 2018. (Acesse)

QUER AJUDAR A PROTEGER AS TARTARUGAS DA AMAZÔNIA?

 

Mais sobre essa iniciativa

COMO FUNCIONA O TRABALHO

O período de desova de quelônios no rio Juruá ocorre na época de vazante do rio, quando se formam as praias, geralmente entre abril e maio. A soltura dos filhotes ocorre a partir de novembro, quando os rios já estão cheios novamente.

A cada ano, a SOS Amazônia mobiliza as famílias voluntárias na proteção de quelônios do rio Juruá e  entrega kit de proteção das praias. Realiza pelo menos três visitas técnicas a cada família, entrega os formulários de registro do nascimento de filhotes, faz o mapeamento das praias e acompanha o período de soltura dos filhotes no rio.

As famílias ribeirinhas desempenham papel fundamental na proteção das praias e no monitoramento da desova, eclosão dos ovos e da soltura dos filhotes. As crianças acompanham os pais nessa atividade, o que as aproxima da prática de conservação dessas espécies. Eles registram o número de ninhos, o número de ovos e números de filhotes vivos e soltos nos rios. Essas informações são coletadas, registradas em ficha de campo e repassadas para a SOS Amazônia que analisa e monitora os resultados.

Fotos: André Dib

Próximos posts

Ícone de folha de árvore Seja Voluntário SOS Amazônia

Tem sede de ajudar a mudar o mundo a sua volta?
Seja um voluntário SOS Amazônia, inscreva-se e em breve entraremos em contato

Ícone de folha de árvore Associe-se a SOS Amazônia

O seu apoio é fundamental para continuarmos a trabalhar pelo futuro da nossa floresta, rios, animais e da humanidade.
Afilie-se agora!

Ícone de folha de árvore Faça parte da equipe SOS Amazônia

Tem interesse em trabalhar na SOS Amazônia?
Nos envie seu currículo e faça parte da nossa base exclusiva de currículos


Ícone de folha de árvore Seja Parceiro SOS Amazônia

Tem sede de ajudar a mudar o mundo a sua volta?
Seja um voluntário SOS Amazônia, inscreva-se e em breve entraremos em contato