Rascunho para Quioto é anunciado ao fim de rodada climática

Ícone de relógio set 09, 2012

Um documento extraoficial sobre o segundo período do Protocolo de Quioto foi o maior avanço das negociações climáticas em Bangcoc, último encontro antes da Conferência do Clima de Doha em novembro

Quando o maior destaque de uma reunião de quase 200 países é um rascunho extraoficial – que nem foi apresentado em detalhes -, não há como acreditar que foi um encontro muito produtivo. Apesar disso, a presidente da Convenção das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC), Christiana Figueres, classificou a rodada como um avanço e afirmou que “solo fértil” foi preparado para a Conferência do Clima de Doha (COP 18), no Catar.

“O investimento em Bangcoc se pagou. Os negociadores progrediram em assuntos chave e foram até um pouco além das expectativas. Isso nos enche de esperança para a o sucesso da COP 18”, declarou Christiana.

“Ainda existem decisões difíceis à frente, mas agora temos um impulso positivo e um senso maior de convergência para as discussões de alto nível em Doha.”

O maior avanço em Bangcoc se deu no grupo de trabalho do Protocolo de Quioto, que afirma ter produzido um rascunho do segundo período de compromissos, com início em 2013. Além disso, os negociadores teriam conseguido chegar a alguns consensos sobre metas e compromissos.

Porém, o documento, mesmo sendo extraoficial, não foi apresentado em detalhes e deve apenas aparecer no começo de novembro, quando a presidente do grupo de trabalho, Madeline Diouf, vai apresentá-lo antes da COP18.

Os negociadores responsáveis pelo futuro acordo climático que substituirá Quioto a partir de 2020 também alegaram ter feito um “progresso significante”.

“As conversas em Bangcoc nos dão confiança de que um novo e universal tratado é uma possibilidade real e todos saíram daqui com mais ambição para as futuras negociações”, declararam em nota Jayant Moreshver Mauskar e Harald Dovland, presidentes do grupo de trabalho do novo acordo.

Segundo os delegados, planos para novos mecanismos de mercado para incentivar a cooperação internacional foram apresentados e estão em avaliação. Também estaria adiantada a criação de um novo relatório climático anual, que serviria para acompanhar os avanços dos impactos das mudanças climáticas.

Ainda existe a expectativa de que um texto final da rodada de Bangcoc seja apresentado nesta quarta-feira.

Nova Aliança

Um dos destaques das negociações foi a formalização de um novo grupo de países, chamado de Like Minded Group (LMG), algo como Grupo de Mentes Alinhadas, que reúne nações árabes, do sudeste asiático, latino-americanas (Venezuela, Bolívia e Cuba) e os gigantes China e Índia.

Ainda não estão claras as causas do grupo, mas pelos integrantes imagina-se que cobrarão com vigor questões como financiamento climático ao mesmo tempo em que serão contrários a medidas de monitoramento e verificação internacionais em seus territórios.

Muitos produtores de petróleo estão no LMG e é possível que o grupo acabe sendo uma forma de esses países defenderem os interesses da indústria dos combustíveis fósseis.

“Os países desenvolvidos provavelmente classificarão o grupo como problemático. Acredito que serão considerados um obstáculo para os trabalhos com relação ao futuro acordo climático. É um conjunto de nações fascinantes e bastante poderosas”, afirmou Tasneem Essop, representante do WWF em Bangcoc, ao portal RTTC.

O novo grupo, ao menos, já deixou claro uma coisa: é um forte defensor do conceito de “responsabilidades comuns, porém diferenciadas”, que serve de justificativa para metas mais rigorosas de emissões para os países ricos, já que são os grandes poluidores históricos.

Autor: Fabiano Ávila   –   Fonte: Instituto CarbonoBrasil


Próximos posts

Ícone de folha de árvore Seja Voluntário SOS Amazônia

Tem sede de ajudar a mudar o mundo a sua volta?
Seja um voluntário SOS Amazônia, inscreva-se e em breve entraremos em contato

Ícone de folha de árvore Associe-se a SOS Amazônia

O seu apoio é fundamental para continuarmos a trabalhar pelo futuro da nossa floresta, rios, animais e da humanidade.
Afilie-se agora!

Ícone de folha de árvore Faça parte da equipe SOS Amazônia

Tem interesse em trabalhar na SOS Amazônia?
Nos envie seu currículo e faça parte da nossa base exclusiva de currículos


Ícone de folha de árvore Seja Parceiro SOS Amazônia

Tem sede de ajudar a mudar o mundo a sua volta?
Seja um voluntário SOS Amazônia, inscreva-se e em breve entraremos em contato